Uma escolha para o amanhã
fevereiro 21, 2010, 10:52 pm
Filed under: Participo!, Próprias alienações...

Segundo ano do ensino médio e a pressão que os professores impõe nos alunos aumenta conforme vai chegando a hora mais temida da maioria dos adolescentes: prestar vestibular e escolher o seu futuro, a sua profissão. É uma hora que a indecisão é o pior remédio para ter a certeza de como vai seguir a sua vida. Tanto assunto em torno disso, que refletimos desde quando éramos crianças.

Eu, como um simples exemplo, já pensei em ser comerciante, quando montava as minhas lojinhas imaginárias na sala de casa. Era apenas uma brincadeira inocente que me fez pensar no futuro. Porém, a vontade de cuidar do meio ambiente me fez esquecer desse capitalismo depois que assisti a uma aula normal de geografia. Só que essa vontade se misturou com boas notas de matemática e me fez pensar em engenharia ambiental. Logo desisti pois vi que não era o meu mundo.

Um pouco depois, fiquei extasiada pela literatura, escritas e comecei a minha vida de jornalista amadora, tentando escrever coisas que sinto, vejo e penso nestes espaços que são vistos. Agora, a cultura e as formas de expressão me cativaram, principalmente a fotografia, que vejo como uma profissão em mente e como um hobbie imortal. E também com a força que os professores me dão, tenho certeza que é isso que quero para minha vida.

A mente de todos para se profissionalizar em algo vai a mil, inclusive a minha. Precisamos ter pé no chão, cabeça feita e escolher o que gostamos, e assim, a sua profissão vai ser a melhor do mundo.

– PAUTA PARA O POSTIT



Por favor, identifique-se.
fevereiro 7, 2010, 10:17 pm
Filed under: Próprias alienações...

Quem sou eu? Por que eu estou aqui? Identificar-me? Que palavra mais estranha e desconhecida!

Nessa época de autoconhecimento que estou tendo, vejo o meu mundo como um ponto de interrogação diante de milhares de palavras e frases já terminadas. Há apenas um ponto de exclamação que pertence a esta frase: Que fase da minha vida mais complicada!

Cada vez que tento me descobrir, aparece milhares de dúvidas que surgem de repente em cada pensamento. E para piorar, essa situação é acompanhada por aquela pessoa que sempre balança o seu coração. E aparece muito mais dúvidas que o comum. Me vejo sempre questionando o que quero da minha vida, e não chego a nenhuma conclusão, como de costume.

Tudo isso porque não estou suficientemente pronta para encarar algumas realidades da vida. Ou não. Isso realmente é algo muito dificil de saber, pelo meu grau de perguntas a todo o momento.

É… acabo este texto com mais interrogações em mim, e sem conclusão alguma. Esta é a mente de uma garota em plena crise de adolescência.

Ass: Duda Gérry

—-x—-

Oi galera mais linda do Brasil! Tudo bom com vocês?

Acho que estão me perguntando quem é essa tal de Duda Gérry que escreveu o post acima né? Ela é uma personagem que criei exemplificando muitas adolescentes de hoje em dia. Ela vai estar muito frequente no blog agora ^^

Um beijão galera!