Grandes borboletas pequenas…
janeiro 4, 2011, 3:58 am
Filed under: Próprias alienações...

Estou com uma vontade tremenda de virar uma borboleta agora. De voar, voar, voar sem destino e sem direção até encontrar um lugar calmo e com luz. Estou me sentindo livre igual a elas. Não há mais barreiras e não há mais tristeza. Espero.

Aliás, pode até ter sim, mas vou ser forte e voar para bem longe delas, porque tudo já está resolvido. Não há mais tensão, ansiedade e, infelizmente ou felizmente, esperanças.

Não sei se eu estou fazendo um caminho certo, mas irei vê-lo o que é certo, errando. Estou com o meu pensamento e minha consciência limpa para vivenciar novas experiências. A vida está me obrigando a isso.

Não sei realmente como eu estou me sentindo, mas é como se uma de minhas asas querer repousar e esperar mais um pouco caso aconteça alguma surpresa, e a outra asa querer voar para o infinito.

Ao som de Remembering Sunday, não fico triste agora. Fico leve. Fico bem. Quero viver a minha vida feliz, com ou sem a sua vida ao meu lado, independente de como seja. Quero ser essa borboleta voando tranquilamente e procurando um lugar favorável a ela para pousar. E ali ficar.

Duda Gérry

Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

Então voe, e descubra o que tem pela frente sem medo do que possa encontrar. Arrisque. ;).

Comentário por Gustavo Lima




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: